Africa green revolution, agricultura Moçambicana, Revolução verde

Ainda Sobre a Revolução Verde – como impulsionar em Moçambique ?

Aproximadamente dois terços da população do Continente Africano sustenta-se em pequenos campos agricolas que muitas das vezes falham em produzir alimentos suficientes para o auto-sustento das próprias familias.

Estive a ler Dwyer Gunn no New York Times, onde aponta que Europa, América e Asia tiveram suas “revoluções verdes” que resultaram no aumento da produtividade, o que permitiu que os pequenos agricultores enviassem os seus filhos para estudarem nas grandes cidades o que não está a acontecer no continente Africano.

Ainda segundo Gunn um recente relatório de Desenvolvimento do Banco Mundial conclui que para as pessoas mais pobres, o crescimento do PIB originado da agricultura é cerca de quatro vezes mais eficaz no aumento da renda das pessoas em situação de pobreza extrema do que o crescimento do PIB proveniente de fora do sector.

Robert Paarlbeg, autor de Starved for Science: How Biotechnology Is Being Kept Out Of Africa, aborda sobre o investimento em agricultura por parte dos Governos africanos e das ONG´s com início na década de 80. Este autor, essencialmente, refere-se que há um distanciamento em áfrica de uma agricultura baseada na Ciência, que faz sentido nos países ricos onde a ciência já deu muita produtividade à agricultura. Mas esta abordagem é perigosa quando arrastada para África onde muitos agricultores continuam encurralados na pobreza porque não têm acesso à Ciência.

Assim, independentemente dos métodos escolhidos, algo terá de ser feito para aumentar a produção alimentar entre os pequenos agricultores em África ou o meio ambiente vai sofrer. Em qual das opções teremos que alinhar ? Vamos aumentar os rendimentos agrícolas em terras já cultivadas, ou a combinação de baixos rendimentos e aumento populacional irá forçar pequenos agricultores a devastar florestas virgens e cultivar. Ou será que os Países doadores deverão colocar de lado os seus subsídios ao sector no continente Africano ?

Leia aqui um pouco da experiência do Vizinho Malawi na agricultura nos últimos anos.

Que outras possibilidades existem para se impulsionar a Revolução verde em Moçambique e em África ?

Standard

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s